terça-feira, 5 de abril de 2016

O que rolou... Março/2016

Olás!


Março foi um mês arrastado (parece que teve uns 50 dias!!), mas finalmente acabou!

Livros

Mesmo com o desânimo, consegui finalizar 4 livros em março. Foram todas ótimas leituras, mas meu preferido foi “Fun Home”.


- Antes do Baile Verde (Lygia Fagundes Telles): a maioria dos contos eu já havia lido antes, mas as histórias são tão poderosas que não enjoo nunca.
- O Corcunda de Notre Dame (Victor Hugo): eu sabia que a versão da Disney tinha muitas coisas modificadas, mas não estava preparada para tanto sofrimento. Triste demais!
- Fun Home (Alison Bechdel): fazia tempo que eu queria ler esse, e agora surgiu a oportunidade. Não tenho palavras para expressar o quanto gostei.

* Resenha publicada de 'Psicose' (Robert Bloch) [Hitchcock Reading Project]
* Resenha publicada de 'Hop Frog' (Edgar Allan Poe) [#12mesesdepoe]

P.S. – Este ano adotarei uma pontuação máxima de 5 estrelas, em vez de 4 como costumava fazer, tanto para livros quanto para filmes.

Filmes

Em março vi 17 filmes. Foi um mês de surpresas agradáveis, como ‘Deadpool’, ‘O Babadook’, ‘Todos se van’ e filmes que eu sabia que ia gostar, como ‘O Regresso’ e ‘Truman’; a decepção (meio que esperada) ficou a cargo de 'Orgulho, Preconceito e Zumbis'.


- Psicose: Taí um filme que não canso de assistir - e a cada vez que vejo descubro algo novo. [Hitchcock Reading Project]
- Cinco Dias Sem Nora: Filme que fala sobre diferenças religiosas e dogmas. [#vejamaismulheres]
- O Regresso: Demorei para ver, mas valeu a pena. Visual belíssimo, interpretação inspirada do DiCaprio e história triste baseada em eventos reais. [Oscar 2016]
- O Babadook: Mais um que já estava na minha lista fazia tempo. Terror sem sustos fáceis e que questiona o mito da ‘mãe perfeita’. [#vejamaismulheres]
- Um Homem Entre Gigantes: Filme baseado na história real de um patologista forense que resolve enfrentar a poderosa NFL para tentar proteger os jogadores de futebol americano.
- O Espírito da Colmeia: História de uma garotinha que fica fascinada pelo Frankenstein e decide encontrar a criatura em um povoado espanhol dos anos 40. Muito bom!
- Todos se Van: Adaptação do romance de Wendy Guerra sobre os conflitos de liberdade e autoritarismo na Cuba dos anos 80 vistos pela ótica infantil. Tristíssimo.
- Truman: Ricardo Darin, Javier Cámara e o cachorrão Truman em um tributo à amizade. Maravilhoso. Daqueles que deixam os olhos suados.
- Meu Irmão Quer se Matar: Apesar do título meio depressivo, a história cheia de personagens peculiares e de momentos non-sense tem uma mensagem positiva. [#vejamaismulheres]
- A Visita: Sempre tenho problemas com os filmes do Shyamalan, mas desse eu gostei (finalmente!).
- Maze Runner – Correr ou Morrer: Assisti por acaso e achei bem legalzinho. Uma vibe meio Indiana Jones.
- Maze Runner – Prova de Fogo: Conseguiu manter o mesmo nível do filme anterior. Estou curiosa para ver como termina.
- A Excêntrica Família de Antonia: Mais um que estava na minha lista fazia muuuuuuito tempo. Antonia e seus genes revolucionários que mudam totalmente a dinâmica de um vilarejo. [#vejamaismulheres]
- Deadpool: Não sou muito fã de filmes de super-heróis e torci o nariz para todo o burburinho em torno desse. No fim, acabei assistindo e adorei. Um dos melhores e mais divertidos do gênero.
- Orgulho, Preconceito e Zumbis: Embora eu não goste do livro da Jane Austen, lembro que corri para ler essa paródia logo que foi lançada – achei mal feita, mas pensei que tinha potencial para um filme. Aguardei a estreia da adaptação por anos... e foi tão decepcionante quanto o livro. A ideia de misturar moçoilas do Século XIX com zumbis e artes marciais é incrível, mas faltou sangue, faltaram lutas bem coreografadas e faltou maquiagem decente dos mortos-vivos.
- Rebecca: A adaptação do livro levada às telas pelo Hitchcock não decepciona, embora não tenha entrado para minha lista de preferidos do diretor. [Hitchcock Reading Project]
- O Farol: Filme armênio sobre os efeitos da guerra e como as pessoas se adaptam às condições mais inóspitas. [#vejamaismulheres]

Séries

Ah... vi a segunda temporada da deliciosa ‘Mozart in the Jungle’. Um dos raros casos em que eu gostaria que tivesse uns 30 episódios por temporada.


E foi isso.
O que vocês fizeram de bom em março?

Beijo e até +!

3 comentários:

Jeniffer Geraldine disse...

Mulher, 17 filmes! Arrasou d+!
Ainda não vi Deadpool. Vou tentar assistir agora em abril.
E também achei março arrastado.
Quero ler O Corcunda de Notre Dame.

Beijos e bom abril ;)
www.jeniffergeraldine.com

Michelle disse...

Jeniffer,
Deadpool foi uma ótima surpresa para mim. Afff, nem me fale de mês arrastado!
Corcunda é lindo <3

Lígia Barros disse...

Quero muito ler O Corcunda de Notre Dame. Se o filme da Disney já é meio pesado e triste, fico imaginando como é o livro.
Preciso ler mais contos da Lygia Fagundes Telles. Gosto muito do estilo dela, mas não conheço muito dos contos.