terça-feira, 2 de janeiro de 2018

Balanço de Projetos e Desafios 2017/2018

Hey!

Voltei! Desta vez, para fazer o balanço de projetos e desafios de 2017 e decidir quais continuarão em 2018. Sei que não avancei nada em muitos deles, mas paciência... É hora da verdade!


Projetos e Desafios de 2017
(Os marcados com asterisco são alguns que venho fazendo há anos e não têm prazo para acabar)

- Veja Mais Mulheres: Comecei o projeto em 2016 (cumprido) e em 2017 decidi fazer uma segunda rodada de filmes (cumprido com louvor!). Pretendo postar mais um lote de produções no ano que se inicia.
- Desafio Literário Diminuindo a Pilha: Hahaha... fracasso retumbante. Até li alguns títulos que se encaixavam nos temas, mas não resenhei nada, ou resenhei totalmente fora do prazo.
* Projeto Ler Saramago: Iniciado em 2015, a intenção de ler todas as obras do autor em ordem cronológica já se foi faz tempo. Mas ainda quero ler tudo que ele escreveu. Infelizmente, não risquei nenhum título dessa listinha em 2017.
* Hitchcock Reading Project: Eu jurava que tinha lido pelo menos 1 livrinho deste projeto em 2017, mas me confundi. Não li nada mesmo :(
* Grandes Livros no Cinema: Mais um projeto que naufragou em 2017. Mas ressuscitará em 2018 (espero!).
* Vencedores do Oscar: Vi 3 filmes da lista: Moonlight, O Grande Ziegfeld e Melodia na Broadway (obrigada curso de musicais pela forcinha!).
- Lendo Margaret Atwood: Li Vulgo, Grace. Ano que vem tem mais!
- Volta ao Mundo em 80 Livros: Li autores de 15 países. Alguns resenhei, outros ainda não.
>> [França] Porcarias (Maria Darrieussecq) [mas resenhei ‘Baseado em fatos reais', da Delphine de Vigan)
>> [México] Pedro Páramo (Juan Rulfo)
>> [Itália] Novecentos (Alessandro Baricco) [e vários da Ferrante]
>> [Rússia] Duas narrativas fantásticas (Fiódor Dostoiévski)
>> [Inglaterra] Assassinato no Expresso Oriente (Agatha Christie) [resenhei 'O retorno do Nativo', do Thomas Hardy]
>> [Irã] Lendo Lolita em Teerã (Azar Nafisi)
>> [China] Tempo de boas preces (Yiyun Li)
>> [Camarões] Aqui estão os sonhadores (Imbolo Mbue)

Resumindo, todos os projetos continuam em 2018, exceto o Diminuindo a Pilha.

Me contem: o que vocês planejam para o ano que vem?

5 comentários:

Maura C. Parvatis disse...

Oi, Michelle!
Feliz Ano Novo!

Eu decidi não entrar em nenhum ~desafio~ porque falho lindamente quando. Acho que o único projeto para 2018 será mesmo: voltar a participar de clubes de leitura e ler os livros da discussão (o que é muito importante, rs).

Beijos!

Michelle disse...

Feliz 2018 pra você também, Maura!
Eu não me enfiei em nenhum desafio novo (ainda...rs), mas vou continuar esses que são sem prazo definido porque são mais possíveis de serem cumpridos. A gente se vê nos clubes! :)

Anônimo disse...

Nosso projeto garboso “Lendo Margaret Atwood” ♥ ♥ ♥ ♥ ♥.
Por aqui estou dando continuidade ao nosso projeto e ao “TBR Book Jar Nomes da Literatura”. Não tenho habilidade para participar de tantos, rs.
Beijos, Michelle!

Marta Skoober disse...

Oi, Mi

Iniciei 2017 participando do Desafio Diminuindo a Pilha por volta de março ou abril perdi completamente o interesse. Foi quando me voltei completamente para o projeto de ler literatura (se possível brasileira) que a temática fosse a corrupção. Nesse projeto absolutamente pessoal, a que dei o nome de literatura & corrupção, li:
- O nosso juiz, de Marcelo Carneiro Cunha
- Vila dos Confins, Mário Palmério
- Sabe com quem está falando? (Contos de poder e corrupção), organizado por Luíz Ruffato - favorito do ano.
O encilhamento - Visconde de Taunay (não é exclusivamente sobre, mas é também)
A falência, de Júlia Lopes de Almeida (que também não é exclusividade sobre, mas é também).
Sobre a mentira, de Santo Agostinho (que conseguiu dar um nó na minha cabeça)
Sobre a mentira, de Platão (pra tentar entender Santo Agostinho- rs)
Em 2018 está mantido o projeto de ler literatura & corrupção, mas se possível incluirei um pouco de material teórico e alguma ética. E também vou tentar seguir o Desafio Literário propostopela Livraria Cultura.
E é isso.
😊
Marta

Michelle disse...

Lulu,
Os projetos são muitos porque foram se acumulando ao longo dos anos. Não termino nenhum... hahaha

Marta,
Vi outro dia um post seu falando sobre esse projeto de corrupção. Achei bem interessante. Acho que não li nada sobre o tema; se lembrar de algum, te aviso.