sábado, 19 de outubro de 2013

TAG: Mapa-Múndi

Esta semana eu estava passando pelo blog da Michelle e dei de cara com uma tag muito interessante, criada pela Claire Scorzi. O objetivo é dar uma vasculhada na estante e encontrar livros representantes de diferentes países. Descobri que tenho livros de lugares que nem imaginava. O legal mesmo seria fotografar tudo, mas haja pernas e equilíbrio para ficar subindo e descendo a escadinha com uma pilha de livros nas mãos. Vou apenas fazer uma lista de autores de diversas partes do mundo, organizada por continente e país. Preparados?


Como vocês sabem, eu raramente fico com um livro lido, então quase todos os livros listados aqui ainda aguardam leitura. As exceções são indicadas com um asterisco.

ÁFRICA


- África do Sul: Infância (J. M. Coetzee)
- Angola: Os da Minha Rua (Ondjaki)*
- Argélia: O Estrangeiro (Albert Camus)
- Moçambique: Cada Homem é uma Raça (Mia Couto)
- Nigéria: Hibisco Roxo (Chimamanda Adichie)
- Somália: Infiel (Ayaan Hirsi Ali)

AMÉRICA

Escritores latino-americanos e norte-americanos são uma forte presença na minha estante, com domínio do Vargas Llosa.


- Argentina: As Armas Secretas (Julio Cortázar)
- Brasil: Incidente em Antares (Érico Veríssimo)
- Canadá: A Vida de Pi (Yann Martel)
- Chile: 2666 (Roberto Bolaño)
- Colômbia: O Amor nos Tempos do Cólera (Gabriel García Márquez)
- Cuba: A Ninfa Constante (Guillermo Cabrera Infante)
- Estados Unidos: Paris é uma Festa (Ernest Hemingway)
- México: Pedro Páramo (Juan Rulfo)
- Peru: Elogio da Madrasta (Mario Vargas Llosa)
- Uruguai: A Trégua (Mario Benedetti)

ÁSIA

Uma das minhas literaturas favoritas. Embora a maioria dos escritores dessa região seja do Japão e da China, também encontrei representantes do Paquistão e de Bangladesh!


- Bangladesh: Um Lugar Chamado Brick Lane (Monica Ali)
- China: Balzac e a Costureirinha Chinesa (Dai Sijie)
- Coreia do Sul: Por Favor, Cuide da Mamãe (Shin Kyung-Sook)
- Índia: Um Lugar Para Todos (Thrity Umrigar)
- Irã: Lendo Lolita em Teerã (Azar Nafisi)
- Israel: Nas Profundezas do Bosque (Amos Oz)
- Japão: A Casa das Belas Adormecidas (Yasunari Kawabata)
- Paquistão: Sombras Marcadas (Kamila Shamsie)
- Rússia: Anna Karenina (Leon Tolstoi)

EUROPA

A Europa foi outro continente que me surpreendeu. Não sabia que eu tinha livros de tantos lugares em casa. Muitos escritores clássicos dessa parte do mundo me aguardam.


- Alemanha: O Leitor (Bernard Schlink)
- Áustria: Breve Romance de Sonho (Arthur Schnitzler)
- Dinamarca: A Festa de Babette (Karen Blixen)
- Escócia: O Médico e o Monstro (Robert Louis Stevenson)*
- Espanha: O Tempo Entre Costuras (María Dueñas)
- França: A Libélula dos Seus Oito Anos (Martin Page)
- Grécia: Fábulas (Esopo)
- Holanda: Sob a Pele (Michel Faber)
- Itália: O Barão nas Árvores (Italo Calvino)
- Inglaterra: O Quarto de Jacob (Virginia Woolf)
- Irlanda: O Palácio de Inverno (John Boyne)
- Noruega: O Redentor (Jo Nesbo)
- País de Gales: Submarino (Joe Dunthorne)
- Portugal: Claraboia (José Saramago)
- República Tcheca: A Metamorfose (Franz Kafka)*
- Romênia: O Caso Sonderberg (Elie Wiesel)
- Suécia: O Hipnotista (Lars Kepler)
- Suíça: O Lobo da Estepe (Herman Hesse)

OCEANIA


Juro que pensei que não teria nada deste continente. Mas acabei descobrindo que o Markus Zusak é australiano! Yeay! E além dele ainda garimpei mais um representante do mesmo país. Vivendo e aprendendo...

- Austrália: O Advogado do Diabo (Morris West)
- Nova Zelândia: Gênesis (Bernard Beckett).

E é isso. E a estante de vocês, está globalizada?

Beijo!

7 comentários:

Maura C. Parvatis disse...

Mig, acordei disposta a responder essa Tag após conferir suas respostas... E olha a coincidência, os dois escritores da Oceania que você listou aparecerá na minha listinha: Morris West com O navegante e Bernard Beckett com Gênesis xD
Acho que na minha resposta aparecerão vários escritores da Europa e Estados Unidos...

Sobre os livros, sou doida para ler O Tempo Entre Costuras e Hibisco Roxo.
Essa tag, como a maioria, é ótima para pegar dicas de autores que não conhecia, e o melhor dessa é que podemos dar uma volta ao mundo :D

Beigos!

Marijleite disse...

Que legal essa tag, até fiquei com vontade de fazer!
O único que você citou e que já li é "Incidente em Antares". Mas conheço vários autores ou livros citados e já li alguns livros diferentes, tipo "Babyji" que é de uma autora indiana.

petalasdeliberdade.blogspot.com

Unknown disse...

Que legal descobrir que mais alguém respondeu. Fiquei não só contente como ainda babando em cima dos títulos. Quanta coisa bacana!
Claire.

Lígia disse...

Que legal essa tag! Acho que vou fazer, apesar de minha estante ser bem pobrinha em nacionalidades diferentes comparando com a sua.

Ana Leonilia disse...

Não conhecia essa tag... Perdi muitos posts...

Encontrei muitos livros da minha lista de desejados aqui e como bateu vontade de ler cada um! *____*

Eu tive umas sugestões de ler escritores japoneses. Fui buscar a sinopse de "A Casa das Belas Adormecidas (Yasunari Kawabata)", que chamou atenção logo de cara. E o enredo lembra "Memória de Minhas Putas Tristes", de Márquez.

Vou buscar outros títulos também.

Muito bom mesmo o post!! ;)

Taciele Morais disse...

Concordo com a Maura quando ela diz que essa tag é ótima pra pegar dicas de autores. Eu mesma já catei meu caderninho e aumentei minhas querências, enquanto a vontade duplicou por aqueles que eu já queria.
Dos africanos que você listou quero ler todos. Dos americanos, eu reforço minha vontade por 2666 que me olha de esguelha querendo que eu o leia imediatamente, mas do ano que vem ele não me escapa! A Ásia é o meu paraíso particular. Tô um pouco deficiente de literatura europeia, pretendo mudar isso e já anotei suas dicas. Oceania é outra deficiência, mas vou curar todas.
É muita coisa boa pra ler! Quero dias com, no mínimo, 30 horas e umas 10 vidas pra poder ler tudo aquilo que eu quero rsrs
Bjos!

Michelle disse...

Maura,
Essa tag é uma das mais legais! Estou enchendo o caderninho de dicas...rs

MariaJ.,
Esse que você citou eu não conheço. Vou dar uma pesquisada. E faça sim! :)

Claire,
Que honra ter a própria criadora da tag no blog! Sua ideia foi ótima! Adorei responder e dar a volta ao mundo pelas estantes alheias!

Lígia,
Sabe que às vezes a gente descobre que tem mais nacionalidades do que imaginava na estante? Eu descobri várias que nunca tinha reparado.

Ana,
Sim! "A casa das belas adormecidas" tem muito a ver com "Memórias de minhas putas tristes". Acho que vai ser uma leitura excelente!

Taci,
Nem me fale! A lista de querências não para de crescer, e o tempo parece cada vez menor. Os cientistas precisam arranjar um jeito de tornar os dias mais longos!