quarta-feira, 24 de outubro de 2012

100 Anos de Nelson Rodrigues: Exposição / Boca de Ouro


Dando continuidade às comemorações do Centenário de Nelson Rodrigues, fui ver a exposição montada na FIESP e a peça “Boca de Ouro”, em cartaz no mesmo local.



A exposição traz diversas fotos do escritor, em diferentes ocasiões e períodos de sua vida. Além disso, há um painel com algumas de suas frases polêmicas e imortalizadas. Ao fundo, ouve-se a voz do escritor Ruy Castro, interpretando as frases. Em outra parede, personagens famosos saídos do universo rodrigueano ganham vida pelas mãos do ilustrador Marcelo Monteiro, seu antigo companheiro de redação.


Já a peça conta a história de Boca de Ouro (interpretado por Marco Ricca), importante bicheiro de Madureira, no Rio, que paga ao dentista para ter todos os dentes arrancados e substituídos por pivôs de ouro maciço. Influente e irresistível para a mulherada, Boca se julga acima do bem e do mal, com poderes para decidir quem morre e quem vive. No entanto, tem um ponto fraco: seu passado de pobreza e abandono. Rumores que contam que sua mãe o pariu no banheiro sujo de uma gafieira e o abandonou na pia para voltar ao salão o deixam furioso.


A morte de Boca de Ouro pega a todos de surpresa e as especulações sobre o assassino e sobre seu passado fazem com que o jornalista Caveirinha vá à casa de uma das ex-amantes do bicheiro, Dona Guigui, para apurar os fatos. O que vemos no palco são três versões da mesma história contadas por Guigui, que altera os acontecimentos de acordo com suas emoções. O que é verdade? O que é invenção? Não dá para saber. Mas isso não diminui nem um pouco o interesse na história.


Para quem não viu, falei AQUI sobre “A Falecida”, outra peça que integra as comemorações dos 100 anos de Nelson Rodrigues e também está em cartaz da FIESP. Quem tiver um tempinho e estiver à procura de um programa legal e com preço popular, dê uma passadinha por lá!

Serviço:
A exposição vai até 16 de dezembro e é gratuita.
A Falecida
Até 02 de dezembro: interpretada por Lucélia Santos 
Boca de Ouro
Até 25 de novembro: interpretado por Marco Ricca

O horário das peças varia, dependendo do mês. Em alguns dias a entrada é gratuita, em outros custa R$10,00. Acesse o site e confira as informações da data desejada: A Falecida / Boca de Ouro 

3 comentários:

andreia inoue disse...

Quero muitoooo conferir boca de ouro,vi a falecida e super valeu a pena.
um beijao.

Raíssa disse...

Ai, só porque não tô morando em SP esse semestre... Chatiada. :( Vou ver se consigo fazer um bate e volta pra ver a peça e a exposição. :)

bjs!

Michelle disse...

As peças são muito boas! Vale a pena mesmo.
bjo