sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

Leia o Livro, Veja o Filme: Um Dia (One Day)

Sinopse:

15 de Julho de 1988. Emma e Dexter se conhecem na noite da festa de formatura. Amanhã eles seguirão caminhos diferentes. Mas onde estarão nesse mesmo dia um ano depois? E nos anos que se seguirem?

Dexter Mayhew e Emma Morley se conheceram em 1988. Ambos sabem que no dia seguinte, após a formatura na universidade, deverão trilhar caminhos diferentes. Mas, depois de apenas um dia juntos, não conseguem parar de pensar um no outro.

Os anos se passam e Dex e Em levam vidas isoladas – vidas muito diferentes daquelas que eles sonhavam ter. Porém, incapazes de esquecer o sentimento muito especial que os arrebatou naquela primeira noite, surge uma extraordinária relação entre os dois.

Ao longo dos vinte anos seguintes, flashes do relacionamento deles são narrados, um por ano, todos no mesmo dia: 15 de julho. Dexter e Emma enfrentam disputas e brigas, esperanças e oportunidades perdidas, risos e lágrimas. E, conforme o verdadeiro significado desse dia crucial é desvendado, eles precisam acertar contas com a essência do amor e da própria vida.

**************
Livro x Filme

Quando comecei a ler o livro, a primeira coisa que me veio à cabeça foi a música “Eduardo e Mônica” da Legião Urbana. Emma era a garota idealista que queria mudar o mundo. Inteligente, sensível, com autoconfiança zero. Dexter, por outro lado, era o cara perfeito para se odiar: convencido, filhinho-de-papai, mulherengo. E mesmo assim eles desenvolvem uma amizade de anos, com seus altos e baixos, momentos de atração e repulsa.

Achei bem interessante a ideia de acompanhar o relacionamento dos dois ao longo dos anos, tendo a data de Saint Swithin como marco, embora fosse meio óbvio (pelo menos para mim) desde o início o tipo de final que teria.

Gostei também da adaptação para o cinema. É claro que senti falta dos detalhes, das piadas e provocações entre o casal e tudo o mais, mas temos que lembrar que são mídias diferentes. Eu não conhecia o ator que interpreta Dexter (Jim Sturgess), ou, se conhecia, não lembro de ter visto outros filmes com ele. Já Anne Hathaway eu adoro. Acho linda de uma forma não-hollywoodiana e muito boa atriz.

Eu procuro sempre ler o livro antes de ver o filme, pois se assisto a adaptação cinematográfica primeiro, perco o interesse no livro. No caso de “Um Dia”, só comecei a ler o livro depois que anunciaram que a Anne Hathaway interpretaria Emma, então não tive a oportunidade de criar minha própria versão da personagem. Era ela o tempo todo na minha cabeça. OK, podem dizer, sou influenciável. Quanto ao meu Dexter, não tinha rosto. Sei lá, nunca imaginei uma pessoa específica enquanto lia. Minha maior decepção com escolha da atriz para interpretar personagem foi a Suki. Na minha versão ela era japonesa. Na verdade, ela era a Daniela Suzuki...hehe.

E vocês também são influenciáveis? Gostam de ler primeiro ou preferem assistir ao filme antes? Ou nada disso afeta suas escolhas?
Seja como for, recomendo tanto o livro quanto o filme.
Boa diversão!

PS.: Sinopse retirada do site oficial, que também tem guia de leitura, perfil dos personagens, ficha do ator e trailer do filme.

5 comentários:

danamartins disse...

Eu também sou do tipo influenciável e também gosto de ler antes de assistir. Acabou que eu vi o filme e perdi o interesse pelo livro. HUAH Mas, pelo menos do filme, eu gostei bastante. Ele é diferente do comum e cria uma sensação diferente.

Sobre o ator, o Jim Sturgess, tenta ver Across the Universe ou Quebrando a Banca. São até bem diferentes, mas eu gosto dos dois. O primeiro só pelas músicas já vale.

Michelle disse...

Eu já vi Quebrando a banca! Mas não lembro dele no filme :(

Andrea Mendes disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Andrea Mendes disse...

Olá!!! Eu acabei de ver o filme mas fiquei com uma grande dúvida na parte final e gostaria de a tirar..

Raíssa disse...

Eu tbm sempre procuro ler o livro antes, mas se a história é muito boa, eu não perco o interesse pelo livro não. :) Nossa, eu tbm imaginei uma japonesa pra Suki, mas pensei na Sabrina Sato! XDDD~

Ainda não vi o filme de "Um Dia", quero muito assistir, foi um livro que gostei muito de ler.

bjs!